4 de abril de 2009

Depois da morte


Meu corpo sugere tristeza,
pois um vestido de luto se veste nele.
Tenho sorte em ter a pele branca
assim meu cabelo se confunde.

Negro ficou meu coração
depois da tua partida.
Antes era rodeado por amor
agora apenas por uma sombra vazia

Antes de partir, o espelho reflectiu a tua imagem a beijar-me
inclinei-me para tocar-te e nada surgiu como esperava.
O que era? uma jogada do meu coração que queria amor com de antes.

Levei umas flores para adornar-te.
As flores não são símbolo de alegria da tua morte
mas sim alegria por saber que sempre vou amar-te
De:Diego Monteiro

Sem comentários:

Publicar um comentário