13 de junho de 2012

Cai em mim a Noite


Quero-te procurar,
Mas sei, que te irei encontrar…
E abandono,
Pois não te quero voltar a encontrar....

Sorrio.......
Cogitando em todos os instantes,
Que de tão sublimes andaram,
Que hesito em te procurar!

Choro..........
Matutando em todos os instantes,
Que tão medonhos se tornaram,
Que desisto em te procurar...

E mesmo sabendo…
Que sem ti
A minha mágoa ira engrandecer,
Desisto de te procurar!

Pois de interesse a
Amor atingimos,
E de amor a apaixonados conquistamos,
Como de apaixonados a um ódio nos destruímos.
 De: Diego Monteiro

Sem comentários:

Publicar um comentário